top of page

Câmara cancela reunião para discutir situação dos trabalhadores da Petrogal

Foi cancelada a reunião marcada para a tarde desta sexta-feira, dia 24 de fevereiro, entre o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Norte (SITE-Norte) e a Câmara de Matosinhos



O sindicato afirma que o cancelamento "unilateral e inesperado" demonstra uma " postura do executivo de total desrespeito pela atual situação dos trabalhadores despedidos da Refinaria da Petrogal". Câmara afirma que sindicato foi devidamente comunicado.

"O SITE-Norte não se revê neste tipo de atuação, pois perante a situação grave dos trabalhadores e respetivas famílias que se prolonga há mais de dois anos, urge implementar ações que terminem com este flagelo social. A referida atuação causa surpresa e indignação, pois em nada dignifica as instituições democráticas e o diálogo que deve existir entre as mesmas", pode ler-se no comunicado do sindicato.

Em resposta ao JN, a Câmara afirma que "o motivo do cancelamento foi devidamente comunicado ao sindicato, com quem têm mantido um diálogo contínuo", acrescentando a "surpresa de o tema ser transmitido à comunicação social". A autarquia não explicou o motivo ao JN.

De acordo com o SITE-Norte, o cancelamento, que partiu do vice-presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Carlos Mouta, aconteceu no final da tarde de ontem, após o sindicato ter enviado nota à comunicação social a dar conhecimento da reunião.

O pedido da reunião foi feito no dia 27 de janeiro, de acordo com o sindicato, que obteve resposta pelo gabinete do vice-presidente que "acedeu à realização da reunião reagendando a mesma por duas ocasiões".

Comments


bottom of page