top of page

Ciclo de Piano com António Oliveira

Real Vinícola recebeu o segundo concerto desta edição


O segundo concerto do Ciclo de Piano 2022 Música em Matosinhos decorreu no final da tarde de sábado, dia 15 de outubro, uma vez mais, no estúdio da Orquestra Jazz de Matosinhos situado na Real Vinícola. O recital teve como protagonista António Oliveira que apresentou três obras musicais que podem ser consideradas como referências, quase incontornáveis, da escrita para piano dos séculos XVIII, XIX e XX. A Fantasia em dó menor, K.475, de W. Amadeus Mozart (1756-1791), uma das peças mais sublimes e significativas da escrita para piano do compositor, foi composta em 1785, na cidade de Viena, e dedicada à Madame Therèse von Trattner, aluna do compositor e esposa de um importante editor austríaco. A obra oitocentista do programa é a Kreisleriana op.16, do compositor alemão Robert Schumann (1810-1856). Foi escrita em 1838 e dedicada ao grande mestre do piano Frédéric Chopin (1810-1849). A Kreisleriana op.16 é constituída por um conjunto de oito peças, sem qualquer designação que não seja a da indicação de carácter/andamento (extremamente animado, muito íntimo, etc.), muito contrastantes, expressivas, enérgicas e de uma execução bastante exigente. Por fim, a última obra do concerto, a Sonata nº2, op.36, do incontornável compositor Sergei Rachmaninoff (1873-1943) foi composta, originalmente, em 1913 e revista, posteriormente, em 1931. A Sonata nº2, op.36 é uma obra formada por três andamentos contrastantes (Allegro agitato, Non allegro e Allegro molto), muito embora nos dê a sensação de, apenas, existir um único andamento, pela forma como faz a transição entre os seus movimentos. O ciclo de piano apresentará, até dezembro, concertos com alguns dos melhores pianistas nacionais. Depois de Vasco Dantas e António Oliveira, seguir-se-á a 12 de novembro, Pedro Burmester e Marco Pereira (violoncelo) e a 10 de dezembro, Sara Vaz e o maestro Vitorino d’Almeida. Recorde-se que os concertos são gratuitos (entradas limitadas à lotação do espaço) e decorrerão no estúdio da Orquestra Jazz de Matosinhos, na Real Vinícola, pelas 19h00. A Música em Matosinhos, programa de música erudita da Câmara Municipal de Matosinhos, acontece há mais de uma década e inclui este ano, entre outros, um conjunto de recitais também gratuitos do Quarteto de Cordas de Matosinhos nas igrejas e museus do concelho, com o objetivo de descentralizar e democratizar o acesso e a fruição da música clássica.

Comments


bottom of page