top of page

Esta semana chega a última super-Lua do ano

O satélite natural da Terra vai parecer ainda mais brilhante (e próximo) do que é habitual no último dia de setembro



É melhor começar já a pensar num local onde consiga observar o céu noturno, de preferência, bem longe da poluição luminosa das grandes cidades. É a última oportunidade que terá para ver uma super-Lua a iluminar o céu este ano.

A última super-Lua de setembro (e de 2023), chamada de “Lua do Milho” ou “Lua da Colheita”, vai atingir o seu pico de iluminação na madrugada da próxima sexta-feira, 29 de setembro — e as três noites seguintes prometem ser igualmente brilhantes. O fenómeno acontece sempre que a Lua Cheia se encontra a uma distância da terra inferior a 110 por cento do perigeu da sua órbita, ou seja, fica cerca de 50 mil quilómetros mais perto do nosso planeta.

As super-Luas costumam acontecer três a quatro vezes por ano, por isso, é melhor aproveitar esta oportunidade de ver o satélite num estado ainda mais belo. A primeira do ano aconteceu a 3 de junho.

Se estiver à procura de um local afastado da poluição luminosa, aproveite e carregue na galeria para conhecer o Lugar nas Estrelas, o alojamento na Covilhã em onde nem precisa sair do quarto para ver o céu.

Comments


bottom of page