Expedição a Espanha e Portugal

39 jovens de 21 países ibero-americanos visitam o CeiiA


Em 2022 cumprem-se 500 anos da primeira viagem de circum-navegação do mundo, liderada e iniciada pelo português Fernão de Magalhães e completada pelo espanhol Sebastián Elcano. Em homenagem aos navegadores de 237 nacionalidades que participaram naquela expedição, surgiu o Projeto “Volta ao Mundo/ Vuelta al Mundo”, uma viagem académica, cultural e de aventura de carácter anual, centrada nos principais problemas da sociedade atual. A primeira expedição deste projeto é a “Expedición Magallanes-Elcano 2022, La Primera Vuelta al Mundo” e baseia-se no Cruzeiro Universitário pelo Mediterrâneo realizado em 1933 e que contou com a participação de professores e alunos de universidades espanholas. Para esta expedição, foram selecionados 39 jovens de escassos recursos económicos oriundos de 21 países ibero-americanos com o objetivo de aprofundar os laços da nossa História comum. De 21 de julho a 12 de agosto, entre Portugal e Espanha, os participantes estão a percorrer os lugares de origem dos 18 sobreviventes da primeira- viagem de circum-navegação. Em Espanha, o périplo inclui passagens por Getaria, Valladolid, Madrid, Sevilla, Sanlúcar de Barrameda, entre outras. Em Portugal, por Lisboa, Porto, Miranda do Douro e Sabrosa, a terra natal de Fernando de Magalhães. O programa da viagem assenta em três dimensões: sustentável, solidária e académica. Durante 21 dias, em autocarro, comboio, barco, de bicicleta ou a pé, os jovens terão visitas a parques naturais, subida a montanhas, caminhadas na natureza, visitas a museus, espaços culturais e centros religiosos, participação em atividades de cariz solidário e inclusivo, visitas a centros de produção energética sustentável, entre os quais o CEiiA- Centro de Engenharia e Desenvolvimento, em Matosinhos. Esta manhã, dia 01 de agosto, visitaram o espaço para conhecer os inúmeros projetos em curso, nomeadamente nas áreas da mobilidade e descarbonização das cidades. Na receção, marcaram presença o vice-presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Carlos Mouta, e a vereadora do Desenvolvimento Economico, Comércio e Turismo, Marta Pontes.