Houve 26 acidentes mortais na época balnear tendo um deles sido em Matosinhos

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) registou 26 acidentes mortais nas praias portugueses durante a época balnear de 2022, entre 06 de maio e 31 de outubro



De acordo com o balanço apresentado na Academia de Marinha, em Lisboa, a AMN registou 12 acidentes mortais em praias vigiadas, oito em praias não vigiadas, quatro em praias não vigiadas fora do período balnear estabelecido e duas noutras zonas não vigiadas.

A AMN teve durante a época balnear um dispositivo composto por 668 elementos (449 elementos da Polícia Marítima, 111 tripulantes das Estações Salva-vidas e 108 militares da Marinha Portuguesa em ações de sensibilização e vigilância apeada nas praias), tendo realizado 824 salvamentos e 2.326 ações de primeiros socorros.

Entre os acidentes mortais está um afogamento numa praia marítima não vigiada, a praia internacional de Leixões.