top of page

Igualdade de género no desporto

Apresentação de relatório final com recomendações para as políticas públicas futuras


Foi apresentado no Centro de Congressos da Alfândega do Porto o relatório para igualdade de género no desporto que analisa a realidade desportiva em Portugal. Um instrumento que serviu de base para a apresentação de um conjunto de 15 recomendações que constam do relatório final do grupo de trabalho para as políticas em matéria de igualdade no desporto, cuja criação o Governo aprovou em 4 de agosto de 2022, por despacho das secretarias de Estado da Igualdade e Migrações e da Juventude e do Desporto, com a coordenação de Leila Marques, atleta paralímpica e vice-presidente do Comité Paralímpico de Portugal (CPP). O encontro contou com a participação de Ana Catarina Mendes, Ministra-adjunta e dos Assuntos Parlamentares, que destacou três pontos essenciais. “A população portuguesa é muito sedentária, e isso não exclui nem homens nem mulheres, e há aqui um esforço e um apelo a que todos participem em atividade desportiva”, explica. Em segundo, "as mulheres são hoje muitas a praticar desporto, mas poucas ou nenhumas nas lideranças das várias associações e federações desportivas”. “Em terceiro, as mulheres a partir dos 25 anos deixam a prática desportiva, pela ausência de conciliação da vida familiar com a vida profissional e pessoal e por questões de maternidade”, refere. Para além da apresentação das conclusões do grupo de trabalho, que incentiva de uma forma geral a uma maior participação das mulheres nos vários organismos, a sessão também contou com um painel de debate sobre “Desporto com perspetiva de género”. João Paulo Correia, Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, Isabel Almeida Rodrigues, Secretária de Estado da Igualdade e Migrações, e Vasco Pinho, Vereador do Desporto da Câmara de Matosinhos, entre outras individualidades, também marcaram presença na iniciativa. A igualdade de género no desporto é um tema que está na agenda do dia em Matosinhos, tendo sido recentemente debatido nos Paços do Concelho no âmbito da primeira reunião preparatória para a 18.ª Conferência de Ministros do Desporto do Conselho da Europa. A promoção da igualdade de género é uma matéria muito presente em Matosinhos tendo sido objeto de uma campanha para a promoção da igualdade de género "=Igualigual", lançada em 2020 pela Autarquia. A campanha pretende, de uma forma geral, contribuir para a transformação de perspetivas e comportamentos desadequados que perpetuam modelos desiguais nos papéis sociais, baseados na desigualdade de género e que conduzem à discriminação, à exclusão social, à vitimização, ao abuso de poder e até, inclusivamente, a episódios de violência nas relações. A segunda edição da campanha "=Igualigual", lançada pela Câmara Municipal no ano passado terá como foco as desigualdades de género no desporto e pretende passar uma mensagem sobre a importância de quebrar preconceitos e estereótipos associados à prática desportiva em função do género.

Commenti


bottom of page