INDAQUA Matosinhos duplica investimento em painéis fotovoltaicos

A INDAQUA Matosinhos instalou, só este ano, 540 painéis fotovoltaicos na ETAR de Matosinhos, a somar aos 506 já em funcionamento em várias infraestruturas deste município, desde 2021. Estes painéis solares asseguram parte da energia necessária ao funcionamento de equipamentos essenciais à gestão de água e saneamento



Para garantir maior sustentabilidade à sua operação, a INDAQUA Matosinhos realizou um novo investimento em fontes de energia renovável que suportam parte do consumo dos seus equipamentos. A implementação de um número mais alargado de painéis fotovoltaicos abrangeu três concessões onde a empresa garante o abastecimento de água e saneamento de águas residuais: Matosinhos, Santa Maria da Feira e Oliveira de Azeméis, num total de 828 novas instalações.

Matosinhos foi o município onde se efetuou uma maior expansão, com 540 painéis a integrar a zona da Estação de Tratamento de Águas Residuais. No total, ocupam uma área superior a 1.748 m2 e garantem 16% da energia necessária ao funcionamento da ETAR.

Estes painéis solares têm uma potência aproximada de 300kW e estima-se uma produção anual de 431.820 kWh, o equivalente ao consumo energético de 102 famílias. O impacto ambiental positivo destes equipamentos irá traduzir-se na redução da emissão de 121 toneladas de CO2 por ano, calculando-se que seriam necessárias 12.147 árvores para absorver igual volume de dióxido de carbono.

“A INDAQUA Matosinhos pretende ter uma operação cada vez mais consciente e sustentável e este investimento na energia solar é uma prova convicta dessa vontade. O número elevado de painéis solares instalados traduz-se no aumento da eficiência energética das instalações onde se inserem e mostra que, também ao nível do consumo de energia, é possível tornar a gestão de água e águas residuais ainda mais respeitadora do ambiente. Por esse motivo, procuramos sempre que os investimentos realizados pela INDAQUA Matosinhos se sustentem em alternativas energéticas de origem renovável”, defende Tiago Fragata, Diretor Geral da INDAQUA Matosinhos.

Com um investimento de cerca de 475 mil euros, realizado em 2021 e 2022, a INDAQUA Matosinhos contabiliza 1.046 painéis solares em nove instalações, como ETAR, Estações Elevatórias de Águas Residuais e Reservatórios de água.

Para além de Matosinhos, o Grupo INDAQUA instalou painéis solares em infraestruturas de Oliveira de Azeméis e Santa Maria da Feira, com o funcionamento de algumas delas a ser assegurado por energias renováveis em cerca de 50%. No total dos três municípios e dos dois anos consecutivos de investimento, a INDAQUA implementou, em 5.510 m2, um total de 1.702 painéis com capacidade instalada de 911 kW, podendo produzir mais de 1,3 milhões de kWh ao ano – o equivalente ao consumo de 310 famílias.