top of page

Mais de 8 mil alunos participam em atividades de educação ambiental da INDAQUA

No último ano letivo, a INDAQUA implementou, em todas as empresas do grupo, três projetos de educação ambiental dedicados a promover a importância da água. Em Matosinhos, participaram 435 alunos de várias escolas e nove deles foram premiados nos concursos associados às iniciativas



Três projetos dedicados a diferentes anos escolares e diferentes temas ligados à água, mas com um objetivo comum: sensibilizar os mais novos para a importância de proteger este recurso natural. Este foi o desafio a que as empresas do Grupo INDAQUA se propuseram durante o ano letivo 2022/2023.

“Falar de água com amor” foi um dos projetos implementados e convidou os alunos do 3.º e 4.º ano a escreverem poemas sobre a água, de forma a fomentar uma relação mais emotiva e de respeito com este recurso escasso. Os poemas foram submetidos a concurso, com os três melhores trabalhos de cada concelho a serem premiados com computadores portáteis e tablets.

Em Matosinhos, o 1.º lugar foi atribuído a Heitor Minhava, aluno do 4.º ano da Escola Básica Nogueira Pinto. Já o 2.º lugar coube a Francisco Rubim, do 3.º ano da Escola Básica Praia de Angeiras, e o 3.º lugar a Samuel Fernandes, do 3.º ano da Escola Básica da Amorosa.

Já o programa “Água segura” explicou aos estudantes do 4.º ano o ciclo natural e urbano da água, desafiando-os a fazer um desenho sobre as diferentes fases de cada um. Em Matosinhos, seis alunos foram premiados com bilhetes para o Sea Life Porto, por terem os melhores trabalhos dos seus Agrupamentos de Escolas.

Por último, a iniciativa “Uso sustentável da água” levou às turmas do 5.º ao 8.º ano ações de sensibilização com o objetivo de promover comportamentos responsáveis na utilização da água.

“Consideramos que estes programas de educação ambiental são uma ferramenta pedagógica bastante útil para as escolas, permitindo o reforço da sensibilização de crianças e jovens para a importância da água. Nestas idades, a mudança ou a adoção de novos comportamentos ambientais é essencial para a garantia de um futuro em que a sustentabilidade seja uma realidade cada vez mais presente”, explica Tiago Fragata, Diretor Geral da INDAQUA Matosinhos.

Os três projetos educativos chegaram a um total de 8.176 alunos, no conjunto das empresas do Grupo INDAQUA: Matosinhos, Oliveira de Azeméis, Santa Maria da Feira, Santo Tirso/Trofa, Vila do Conde, Águas de Barcelos, Águas do Marco e Águas de Paços de Ferreira.

bottom of page