top of page

Matosinhos já iniciou processo para a instalação de câmaras de videovigilância

A Câmara Municipal de Matosinhos, no distrito do Porto, já iniciou o processo para a instalação de câmaras de videovigilância, nomeadamente em zonas de maiores riscos do concelho, revelou hoje a presidente


“Vai ser necessário cumprir muitas etapas até o processo estar concluído, mas já iniciámos esse trabalho”, afirmou Luísa Salgueiro na reunião pública do executivo municipal, depois de questionada pelo vereador do PSD Bruno Pereira sobre essa matéria. A autarca, que também assume a liderança da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), reforçou que apesar de já ter iniciado o processo, nomeadamente ter feito os pedidos de autorização às forças policiais e à Comissão Nacional de Proteção de Dados, ainda “vai demorar” até arrancar. No entanto, a autarquia já determinou os locais classificados como de “zonas de risco especial” onde entende que deveriam ser instaladas as câmaras, tratando-se da zona envolvente ao centro comercial NortehSopping, do Parque Urbano do Carriçal e da marginal de Matosinhos, referiu.

“O Parque Urbano do Carriçal está constantemente a ser vandalizado”, frisou.

Na Área Metropolitana do Porto (AMP) só o Município do Porto já tem o sistema de videovigilância a funcionar, tendo desde junho 79 câmaras instaladas entre a zona do Marquês e a da Ribeira.


Fonte : Visão

bottom of page