top of page

Matosinhos marcou o arranque da 2ª Jornada de Apuramento para o EuroBasket Feminino

Depois do "estágio de verão", em agosto no pavilhão municipal de Guifões com dois jogos amigáveis diante a Irlanda que foram conquistados de forma incontestável, a Seleção Nacional de Seniores Femininos regressou na semana passada a Matosinhos - “a Casa das Seleções” -, para a preparação e o primeiro jogo da 2ª ronda de apuramento para o Eurobasket 2023



Num jogo impróprio para cardíacos Portugal, a jogar em casa e com as bancadas do Centro de Desportos e Congressos compostas atendendo a que no mesmo dia, 24 de novembro, e minutos antes terminava o jogo de estreia da Seleção lusa no Mundial de Futebol deixou escapar a vitória por uma “unha negra” e após prolongamento diante a congénere da Grã-Bretanha.

A equipa portuguesa recolheu ao balneário no intervalo a vencer por 31-29 mas a emoção estava guardada para os últimos instantes, altura em que a equipa das quinas vencia, com a oposição britânica a empatar o jogo (60-60) para prolongamento e por fim encontrar o caminho para o cesto e vencer a partida por sete pontos de diferença (69-76).

O jogo, que teve nos intervalos a animação dos jovens atletas do Guifões S.C., do G.D. Basquete de Leça e das jovens bailarinas dos Just4Dance e Dance4Kids e ainda transmissão em direto pela FPBtv e pelo Youtube no canal FIBA para todo o mundo, contou com a presença de várias individualidades do basquetebol nacional entre elas Manuel Fernandes e Manuel Albano, Presidente e Vice-Presidente da FPB, com Vasco Pinho e Carlos Mouta, Vereador do Desporto e Vice-presidente da Autarquia, e ainda Henrique Calisto, Administrador da Matosinhos Sport.

Portugal, que entretanto defrontou e levou de vencida a Estónia em Tartu (52-76), mantém o segundo posto do Grupo G, a 2 pontos do líder, a equipa da Grécia.

Os vencedores dos 10 grupos avançam para a fase final, assim como os quatro melhores segundos classificados.

bottom of page