top of page

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Autarquia promove encontro para trabalhar na Agenda 2030


A Câmara Municipal de Matosinhos está a trabalhar em articulação com a sociedade civil na implementação da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, adotada por todos os Estados-Membros da Organização das Nações Unidas em 2015. A Agenda 2030 definiu 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que abrangem diversas áreas, e que representam um apelo urgente à ação de todos os países – desenvolvidos e em desenvolvimento – para uma parceria global. São eles: Erradicar a pobreza; erradicar a fome; saúde de qualidade; educação de qualidade; igualdade de género; água potável e saneamento; energias renováveis e acessíveis; trabalho digno e crescimento económico; indústria, inovação e infraestruturas; reduzir as desigualdades; cidades e comunidades sustentáveis; produção e consumo sustentáveis; ação climática; proteger a vida marinha; proteger a vida terrestre; paz, justiça e instituições eficazes; parcerias para a implementação dos objetivos. A Câmara Municipal de Matosinhos aderiu, recorde-se, em 2020, à ODSLocal- Plataforma Municipal dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, um projeto mobilizador e inclusivo que integra, entre outras componentes, um Portal online dinâmico, de base tecnológica, que permite visualizar e acompanhar os progressos de cada município em relação aos ODS, um Plano de Capacitação de agentes municipais e um Ciclo de Eventos de grande projeção mediática. Desde então, o município tem vindo a apresentar vários instrumentos estratégicos, entre os quais a Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas, o trabalho realizado para atingir a Neutralidade Carbónica, o Plano de Desenvolvimento Social, o Plano Municipal para as Deficiências e Incapacidades e os Planos Municipais de Saúde, Educação e Juventude. O Relatório Local Voluntário monitoriza os avanços do concelho e reflete o ponto de situação na prossecução da Agenda 2030 e dos ODS propostos pelas Nações Unidas. Segundo o Relatório Local Voluntário, o índice de sustentabilidade municipal é de 75,5%. Consulte, no link https://odslocal.pt/matosinhos?tabId=tab-indicators, os indicadores, os projetos e as boas práticas no concelho no que respeita aos ODS. Ontem, véspera do Dia das Nações Unidas para o Serviço Público, o Parque Ecológico Monte S. Brás acolheu um encontro dedicado aos ODS, no qual participaram técnicos e dirigentes municipais, autarcas das uniões de freguesia, empresários, investigadores e responsáveis de associações e instituições de solidariedade social. Presentes estiveram também a presidente da Câmara Municipal, Luísa Salgueiro, e a vereadora do Ambiente e Transição Energética, Manuela Álvares. O objetivo do encontro foi dar a conhecer a importância e os impactos que a implementação dos ODS têm para as instituições e para a comunidade, tal como incentivar todos os parceiros à participação, colaboração e divulgação dos ODS. Para o efeito, três instituições apresentaram o trabalho em curso e futuro, ao abrigo de um ou mais ODS. Foram elas: Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo, o Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental, da Universidade do Porto, e Instituto Português de Afasia.


Comments


bottom of page