top of page

Portugal cai no ranking da felicidade mundial. Nórdicos continuam a ser os mais felizes

Portugal desceu no ranking que classifica a felicidade global - o Relatório da Felicidade Mundial - divulgado esta segunda-feira pela Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas



O relatório mais recente incide sobre o período entre 2020 e 2022 e Portugal mantém-se cai do 34º lugar (em 2019) para a 56.º posição no ranking com 137 países. A fraca falta de generosidade e crescente perceção de corrupção são os fatores que mais influenciaram negativamente a felicidade dos portugueses. São ainda avaliados critérios de rendimento, apoio social, esperança de vida com saúde e liberdade. Finlândia, Dinamarca e Islândia continuam a ser os países mais felizes do mundo, no caso da Finlândia há seis anos consecutivos. Já os países mais infelizes do mundo, são o Afeganistão; Líbano; Serra Leoa; Zimbabwe; Congo; Botswana; Malawi; Comores; Tanzânia e Zâmbia. Apesar de o relatório abranger os anos de pandemia e guerra na Ucrânia, não houve grandes alterações no índice de felicidade da maioria dos países.


Commentaires


bottom of page