top of page

27 anos do Museu da Quinta de Santiago

Aniversário celebrado com atividades para toda a família


O Museu da Quinta de Santiago celebrou este domingo, dia 2 de abril, o 27º aniversário. Um dia com uma programação destinada ao público em geral e às famílias com várias propostas lúdicas. Construção de uma flor gigante no jardim com famílias, realização de uma flor-de-lis com a técnica de stencil, com base no motivo decorativo e simbólico existente no Museu, visita-jogo em que se propôs desvendar as histórias e os segredos ocultos nos alicerces da Casa dos Santiago ou uma conversa em torno do retrato em António Carneiro com Laura Castro, foram alguns dos desafios colocados às famílias. Em dia de aniversário, não faltou ainda o momento dos parabéns com bolo comemorativo. O vice-presidente da Câmara, Carlos Mouta, e o vereador da Cultura, Fernando Rocha, marcaram presença associando-se às comemorações do museu. Recorde-se que foi a 2 de abril de 1996 que, após uma operação de restauro do palacete de Leça da Palmeira projetado pelo arquiteto veneziano Nicola Bigaglia, o Museu da Quinta de Santiago abriu as portas pela primeira vez. O Museu encontra-se instalado num edifício histórico, em local proeminente da cidade, em Leça da Palmeira, e rodeado por um jardim. Adquirido pela Câmara Municipal em 1968, o imóvel é testemunha privilegiada das profundas transformações urbanísticas e sociais que a cidade conheceu nos últimos 100 anos. Encerrando para obras de restauro da estrutura a 29 de julho de 2006, o espaço reabriu em 28 de junho de 2009, mantendo a linha orientadora de ser um espaço de arte e cultura no qual, além das exposições, têm lugar concertos, apresentações teatrais e de dança, conferências, ateliês artísticos, cursos, entre outros.

Comments


bottom of page