top of page

Pai leva filho de 16 anos para rapto com roubo em Matosinhos

Um pai, com 33 anos, e um filho, com 16, foram detidos pela Polícia Judiciária do Porto por terem raptado, sequestrado e roubado um homem que ameaçaram com uma arma de fogo em Lavra, Matosinhos, para o forçar a fazer levantamentos no multibanco de cerca de 700 euros.

O crime foi cometido a 14 de novembro. A vítima estava sentada na esplanada do restaurante Lima, na rua de Angeiras, em Lavra, quando a dupla de familiares sacou uma pistola, forçando o homem a entrar num carro. Levaram o homem até uma caixa de multibanco, onde levantaram dinheiro.

“Após levantarem o saldo disponível, coagiram o ofendido a contactar diversos familiares para procederem a transferências bancárias por forma a prover a sua conta bancária e fazerem novos levantamentos”, precisa a PJ em comunicado.

De acordo com informações recolhidas pelo JN, pai e filho obrigaram a fazer levantamentos, em vários locais, de um total de cerca de 700 euros.

A vítima foi libertada após três horas de sequestro e a investigação da PJ do Porto permitiu identificar e localizar os dois suspeitos que não têm atividade profissional. O JN sabe que os dois arguidos foram detidos quando pernoitavam num hotel da Póvoa de Varzim, o concelho de onde são naturais e onde ambos têm antecedentes criminais por roubos e extorsão.

Fonte : JN

bottom of page