top of page

Visite a Feira da Louça

Visite até ao dia 18 de junho


A arte tradicional da olaria faz parte da história da romaria do Senhor de Matosinhos. A Feira da Louça começou a estar associada às festas no século XVIII, passando a integrar a programação apenas no século XX e nem sempre de forma regular. Começou por anteceder a romaria, que tinha apenas quatro dias de duração, permanecendo um ou dois meses. Da louça para cozinhar ou para decoração, passando pelos brinquedos, a Feira da Louça era o local de abastecimento de muitas famílias da região. Ao longo de décadas, a louça foi mudando, de origens e de formato, assistindo-se ao aparecimento do vidro, da porcelana, do alumínio e do plástico, que transformaram a atividade. Novos utensílios de cozinha e eletrodomésticos como o micro-ondas, a máquina de lavar a louça ou o congelador, foram surgindo e a loiça de cerâmica foi perdendo a sua funcionalidade em detrimento de outros materiais mais resistentes e mais baratos. Este ano, como sempre, a Feira da Louça volta a fazer parte da festa, ocupando a zona envolvente da Igreja do Bom Jesus de Matosinhos, o lugar central e de maior prestígio do recinto. A romaria do Senhor de Matosinhos termina, recorde-se, no próximo dia 11 de junho, mas a feira da Louça, como habitualmente, irá manter-se durante mais uma semana, ou seja, até ao dia 18 de junho.

Commentaires


bottom of page