Ana Bacalhau em Matosinhos

Artista apresentou o seu mais recente trabalho discográfico


13 anos volvidos, Ana Bacalhau regressou a Matosinhos, desta vez, com o seu projeto musical a solo.

A artista, com influências do fado, da música tradicional, do jazz e dos blues, tornou-se conhecida do grande público como vocalista do projeto “Deolinda”, fundado em 2007.

Dez anos depois, o grupo fez uma pausa na sua atividade, tendo Ana Bacalhau prosseguido a sua carreira a solo. Em 2017, lançou o seu álbum de estreia “Nome Próprio”, com temas como “A Bacalhau”, “Leve como uma pena”, “Vida Nova” ou “Ciúme”.

Entre janeiro e outubro de 2020, em plena pandemia, Ana Bacalhau trabalhou no seu segundo disco “Além da Curta Imaginação”. Lançado em outubro de 2021, o álbum revela os sentimentos que a artista vivenciou durante o confinamento, assumindo-se como um trabalho que pretende criar novos mundos. Temas como “Sou como sou”, “Memória”, “Que me interessa a mim” ou “Ainda te amo” fazem parte de “Além da Curta Imaginação”, que Ana Bacalhau apresentou ontem em palco no Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery.